fbpx

WordPress 5.2 “Jaco” em homenagem ao baixista Jaco Pastorius, agora está disponível para download.

Nessa versão um total de 327 pessoas que contribuíram para este lançamento com 109 dos que contribuíram pela primeira vez. Foi liderada por Matt Mullenweg, Josefa Haden Chomphosy, e Gary Pendergast. Incluído na lista está Alex (Viper007Bond) Mills que faleceu de leucemia no início deste ano.

 

Imagem tirada por Brandon Kraft
Imagem tirada por Brandon Kraft

Mills ainda tem alguns remendos nos comandos por isso é possível que ele acabe na lista de contribuidores em lançamentos futuros.

Versão mínima de PHP necessária para executar WordPress 5.2 é agora 5.6.20

WordPress 5.2 aumenta a versão PHP mínima necessária para 5,6,20. Se você está usando uma versão mais antiga, você vai precisar atualizar PHP antes de atualizar para WordPress 5.2. Recomenda-se a atualização do PHP para a versão 7.3 ou superior.

Melhorias adicionais do exame e diagnóstivo do site onde esta instalado

No WordPress 5.1, recursos de verificação de diagnóstico do Site foram adicionados para informar os usuários de versões de PHP desatualizadas. WordPress 5.2 constrói sobre esta fundação, adicionando duas novas páginas que ajudam a depurar problemas de configuração comuns. Os usuários podem encontrar a seção de diagnóstico do Site na infra-estrutura WordPress, navegando para Ferramentas > Diagnóstico.

Resultados Do Exame De diagnostico No Local
Resultados Do Exame De diagnostico No Local

 

Navegar na página de diagnóstico do Site exibe uma série de testes. Quando os testes são realizados, erros e melhorias recomendadas são exibidos na página de resultados. Há também uma página de informação que mostra todos os detalhes sobre a configuração do seu site.

Informações detalhadas da verificação de integridade do site
Informações detalhadas da verificação de integridade do site

Autores de temas e plugins podem adicionar seus próprios testes e modificar ou remover os existentes com filtros.

 

Proteção de Fatal Error

Ao invés da temida “tela branca da morte”, WordPress 5.2 inclui a proteção fatal de erro PHP. Quando um erro fatal é detectado, uma mensagem de erro virada para o Usuário é exibida e um e-mail é enviado para o endereço de E-mail do administrador.

O e-mail inclui um link para um novo recurso chamado “Modo de recuperação.” Enquanto em Modo de recuperação, plugins e temas que estão causando erros fatais são colocados em um estado de pausa para garantir que os administradores podem trabalhar em torno dos erros e acessar a infra-estrutura normalmente.

Além de ser informado sobre quais temas ou plugins estão causando erros fatais, os administradores têm, pelo menos, três opções para corrigir o problema.

  • Os administradores podem desativar o tema ou plugin para manter uma versão de trabalho do site.
  • Os administradores podem corrigir o problema se eles têm as capacidades técnicas, e depois reativar o tema ou plugin.
  • Os administradores podem registrar um pedido de suporte com o desenvolvedor, apontando o erro.
  • Os administradores podem sair do modo de recuperação pressionando um botão na barra de administração. Alguns exemplos de como os desenvolvedores podem utilizar este recurso podem ser encontrados aqui.

WordPress 5.2 também inclui melhorias de acessibilidade, treze novos ícones do painel, verificações de compatibilidade de plugins, e uma variedade de mudanças para o editor de bloco. Além disso, a página de Política de Privacidade inclui quatro novos ajudantes que tornam mais fácil personalizar e projetar a página.

Para saber mais sobre as características do WordPress 5.2 e como estender ou trabalhar com eles, confira O Guia de campo WordPress 5.2.

–Essa é uma tradução livre —

 

Fontes https://wptavern.com/wordpress-5-2-jaco-released-includes-fatal-php-error-protection-and-a-recovery-mode?fbclid=IwAR2YgGyLTDQvPRC2Mh2rkFihTemIa3rTQg-qSX8S_T2l_TWZ8BCfQfvIB7I

Version 5.2

One thought on “WordPress 5.2 “Jaco” lançado, inclui a proteção Fatal de erro PHP e um modo de recuperação

  1. Pingback: 4 Temas gratis Wordpress download fornecidos na themeforest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *